Fim do Gleemax

(Começou a maratona de 20 posts em 10 dias!)

O Gleemax mal surgiu e já subiu no telhado…O portal, que deveria ser uma espécie de comunidade online para apreciadores dos mais diversos tipos de jogos, não deu certo em praticamente nada, com uma navegação e interface extremamente confusas, um sistema de blogs tosco, e não tinha as ferramentas mais básicas que uma rede social de jogos deveria ter. Resultado: a Wizards cancelou oficialmente a parada para se dedicar exclusivamente ao D&D Insider e o Magic Online III.

E a Wotc fez muito bem desta vez. O Gleemax era uma parada sem foco e caótica, e concentrava recursos que obviamente seriam mais lucrativos nas duas principais marcas de jogos da editora – Dungeons & Dragons e Magic: The Gathering. Também devemos reconhecer que a Wizards nunca mandou muito bem em suas tentativas digitais, já que são poucos softwares da empresa que foram pra frente, e infelizmente o Gleemax, apesar da proposta até legal, foi mais um fracasso retumbante de execução.

Após tudo isso, podemos olhar para o D&D Insider vendo o copo meio cheio ou meio vazio, dependendo do otimismo/pessimismo de cada um. Por um lado o fim do Gleemax é ótimo para o DDI, já que o coloca no topo de prioridades da Wizards. Mas por outro, esse fracasso de algo que a editora investiu uma boa grana, tempo e divulgação mostra quem eles ainda tem muito a aprender na área digital, o que acaba deixando um mal pressentimento sobre o futuro do D&D Insider. Estou cada vez mais me inclinando para o último ponto de vista – do copo meio vazio. E você?

4 Comentários

O que acha? Tem alguma crítica ou sugestão? Só mandar! Deixe um Comentário

  1. Chuck disse:

    Obviamente, meu copo é vazio… Aliás, desde o anúncio da edição 3.5 o copo vem esvaziando cada vez mais a cada dia.

  2. Michel disse:

    Considerando que nenhum dos aspectos inovadores do D&D Insider foi lançado ainda (nada de Character Builder, Character Visualizer, Dungeon Builder, and Game Table), apenas as revistas online e parte do Rules Compendium (que não impressionou), estou achando melhor esquecer o copo e investir na minha velha e boa caneca de guerra.

  3. sem contar que o magic online III não teve sentido existir. já que está mais pesado, mais confuso de navegar e com mais bugs que o 2 e o gameplay continua o mesmo e agora não tem cronometro indicando quando tempo falta para começar uma rodada ou um torneio. ridículo. uma empresa tão forte com duas marcas impressionantes no mercado poderia investir em profissionais mais qualificados para o online. acho que eles não estão investindo tanto dinheiro como pensamos no gleemax, mol III ou DDI

Trackbacks for this post

  1. A nova comunidade virtual da Wizards | Ambrosia.com.br

Comments are now closed for this article.