Top 5 do ICv2

A cada quadrimestre o ICv2, maior referência especializada sobre o mercado de produtos relacionados à cultura pop (animes, mangas, jogos eletrônicos e de mesa, quadrinhos e brinquedos), divulga uma lista dos mais vendidos em diversas categorias de jogos, com base nos números repassados pelos lojistas norte-americanos. O mais recente foi divulgado na revista ICv2 Guide to Games #58 lançada na Gen Con, e o site deles trás um resumo Top 5 de cada categoria:

ICv2 Top 5 Hobby CCGs (Collectible Card Games)

1. Magic: The Gathering

2. Yu-Gi-Oh!

3. World of Warcraft TCG

4. Pokemon

5. Legends of the Five Rings

ICv2 Top 5 CMGs (Collectible Miniatures Games)

1. Dungeons & Dragons

2. HeroClix

3. Star Wars

4. HorrorClix

5. ActionClix

ICv2 Top 5 Board and Family Games

1. Settlers of Catan

2. Ticket to Ride

3. Carcassonne

4. Descent

5. Puerto Rico

ICv2 Top 5 Non-Collectible Miniature Games

1. Warhammer 40K

2. WarMachine

3. Hordes

4. Warhammer Fantasy

5. Reaper Dark Heaven

ICv2 Top 5 Role-Playing Games

1. Dungeons & Dragons

2. Warhammer 40K: Dark Heresy

3. World of Darkness

4. Shadowrun
5. Exalted

Parece que o lançamento da 4ª edição realmente foi muito bem sucedido, pelo menos em termo de vendas, e pelo segundo ano consecutivo as vendas da categoria hobby games se mantiveram estáveis ou com um pequeno aumento. Mas dentro da grande categoria que são os hobby games ( que incluem board games, RPGs, miniaturas e card games) a diferença me parece no papel que os cards tiveram ano passado em comparação com este ano. Em Agosto de 2007 a ICv2 nos brindou com:

The quarterly ICv2 market report on game sales in the ICv2 Guide to Games #46 reported gains in all games segments over-all, but particularly strong sales at mass, with sales of the Pokemon TCG, in particular, described as ‘on fire.’

Um ano depois, agora em 2008 temos:

Board games and the big launch for Dungeons and Dragons 4th Edition kept the game category steady to up a little in the hobby channel in the second quarter, according to the ICv2 Guide to Games #58, released at Gen Con. With high gas prices driving a trend toward in-home entertainment, and a good value proposition in terms of hours of entertainment per dollar spent, board games may even be benefiting from economic conditions.

D&D blew away expectations, with almost everyone we talked to surprised by how well the launch of 4th Edition has done. The success of 4th Edition also spilled over into sales of D&D Miniatures, which have also done well recently.

Collectable games are feeling the pinch, both from the relatively high cost to participate and from declining numbers of store visits, which are required to keep feeding collectable game purchases.

Enquanto os hobby games se mantiveram estáveis ou com pouco crescimento, dentro da categoria houve uma queda dos card games e aumento dos board games e RPGs, que mantiveram a categoria apesar da queda dos cards. Bacana!

Falando especificamente dos Top 5 RPGs mais vendidos, tivemos um resultado parecido com o de Agosto do ano passado, mas com uma leve dança das posições. D&D continua em primeiro como sempre, mas em segundo ao invés do Star Wars Saga RPG, que aliás caiu fora da lista, aparece o Warhammer 40K: Dark Heresy, que curiosamente foi cancelado pela Games Workshop e posteriormente adquirido pela Fantasy Flight, e continua com um futuro meio indefinido. Em terceiro temos o World of Darkness, que subiu uma posição, e que se posso arriscar um palpite, estará na segunda posição no próximo ranking em Dezembro. Depois temos o ressurgimento de Shadowrun e por último o Exalted, que ocupa o lugar antes preenchido por seu primo Scion. Todo mundo em casa, e a White Wolf feliz!

4 Comentários

O que acha? Tem alguma crítica ou sugestão? Só mandar! Deixe um Comentário

  1. RogerioSaladino disse:

    Esse sucesso era meio que esperado, com a novidade da 4a edição.
    Agora é ver se a coisa se sustenta, pois o maior desafio da Wizards é fazer grandes lançamentos constantes.
    Eu não boto lá muita fé que a 4a Edição se mantenha por muito tempo com esse estrondoso sucesso de vendas, mas ainda é cedo para ver.
    O mercado de RPG, em geral, tem um crescimento lento e grandes “booms” ocasionais não podem ser vistos como momentos de “agora a coisa vai pegar fogo”. Quem pensa assim depois vai acabar dando com os burros n´água.
    Ou isso ou vai ficar achando que tem crise em tudo quanto é lugar (mesmo com dados comprovando o contrário).

  2. Acho que “a crise” não é algo genérico. Quem faz material de qualidade, inovador e livre da influencia D20 padrão, pode ter seu lugar aoi sol. Mas quem tenta cirar algo para concorrer com o D20 oficial se dá mal. Até vender o D20 em portugues é problematico devido a pirataria.

  3. Cobbi disse:

    Em terceiro temos o World of Darkness, que subiu uma posição, e que se posso arriscar um palpite, estará na segunda posição no próximo ranking em Dezembro.

    Fala Rocha,

    Te pago uma rodada se o Pathfinder não for o próximo a ocupar essa posição.

    O mercado de RPG, em geral, tem um crescimento lento e grandes “booms” ocasionais não podem ser vistos como momentos de “agora a coisa vai pegar fogo”. Quem pensa assim depois vai acabar dando com os burros n´água.

    Agreed. Ponto pra vc, Katabrok. :-D

    Uma coisa que eu estou curioso pacas sobre esses futuros “booms” é pra ver como o mercado reagir diante do envelhecimento do público, que tende a jogar menos e comprar mais.

  4. Rocha disse: (Author)

    Te pago uma rodada se o Pathfinder não for o próximo a ocupar essa posição.

    Lembre-se que eu tô falando do ranking de Dezembro, e até lá o Pathfinder RPG oficial ainda não terá saido, somente o Beta. Quem sabe em Agosto do ano que vem?

Comments are now closed for this article.