Política para sites de fãs de D&D

Semana passada, no dia 6 de Agosto, a Wizards of the Coast liberou as prometidas e esperadas regras que compõe a política da editora para sites dedicados ao Dungeons & Dragons feitos por fãs do jogo. Condicionado a aceitação as regras esta a utilização do chamando Fan Site Kit, um pacote de aproximadamente 6 megas contendo logotipos, capas de livros e ilustrações internas. Sinceramente, não é muita coisa não. E quais são estas regras? Vou citar o resumo feito pelo Shingo do Paragons:

  • Os primeiros parágrafos dizem que você pode usar o material presente no Fan Kit apenas quando relacioná-los com os produtos originais da Wizards, e que voce não pode fazer nenhuma alteração neles que não seja alterar o tamanho das imagens para que elas se adequem ao layout do seu site.
  • Depois vem a parte pesada. Você não pode usar NENHUM material que não seja público, ou autorizado pela Wizards, isto inclui fotos, textos ou regras do jogo. Isto é diretamente apontado para a produção de material pirata, no entanto acerta também qualquer tradução de material da Wizards, que não seja pela detentora dos direitos destes produtos no Brasil.
  • Você não pode usar os materiais da Wizards para conseguir dinheiro para o seu site, a menos que seja pelos termos da GSL. Além de não poder cobrar por acesso e ter qualquer empreendimento comercial relacionado com ele, mas você pode pedir doações. A Wizards não se importa.
  • Não imite os logos da Wizards, para que outros fãs não se confundam e pensem que você trabalha para eles.
  • Não use nenhum material da Wizards para fazer produtos como camisetas, bonés e xicaras. Nenhum.
  • Todos os sites que trouxerem material referente a 4e ou Magic tem que exibir este texto, já que deve-se deixar claro que a Wizards não tem nenhuma ligação com o conteúdo do seu site:

This [Web site] is not affiliated with, endorsed, sponsored, or specifically approved by Wizards of the Coast LLC. This [Web site] may use the trademarks and other intellectual property of Wizards of the Coast LLC, which is permitted under Wizards’ Fan Site Policy [link]. For example, DUNGEONS & DRAGONS®, D&D®, PLAYER’S HANDBOOK 2®, and DUNGEON MASTER’S GUIDE® are trademark[s] of Wizards of the Coast and D&D® core rules, game mechanics, characters and their distinctive likenesses are the property of the Wizards of the Coast. For more information about Wizards of the Coast or any of Wizards’ trademarks or other intellectual property, please visit their website at (www.wizards.com).

Bom o que detona de verdade é o segundo ponto.  Pelo que entendi resenhas e notícias não podem usar imagens dos livros, assim como usar trechos traduzidos, o que inviabiliza praticamente todo e qualquer trabalho de tradução, até mesmo dos previews e material gratuito por parte dos fãs, ponto que inclusive já havia sido descoberto pelo Kimble no Ponei Riders através de um contato com a Devir.

No fim das contas a Wizards cometeu dois grandes erros em relação a política para sites de fãs, como o CF do Covil destacou muito bem em sua avaliação das regras:  o primeiro vacilo forem terem lançado não uma licença para fã sites, mas um amontoado de regrinhas para o uso do Fan Site Kit, que convenhamos, é um monte de imagens. Elas não te dizem como fazer um site de fã de D&D sem ser processado pela Wizards, mas sim o que é preciso fazer para usar o Fan Site Kit sem problemas. E como eu já disse, o Fan Site Kit não vale o esforço. Pior, na hora que as coisas apertam, a nova política da WotC  faz referência a GSL, ou seja, cria uma espécie de loop confuso e emaranhado de lacunas e termos esquisitos para nós-não advogados… Na real, será uma surpresa se os sites de fãs começarem a usar o Fan Site Kit e o disclaimer acima, ao invés de simplesmente continuarem operando normalmente como antes.

UPDATE: Em uma virada maluca de tudo que tínhamos como certo, o Kimble postou no Ponei Riders uma resposta do Otávio A. Gonçalves, editor do D&D no Brasil, sobre a possibilidade dos sites de fãs nacionais traduzirem o material gratuito disponibilizado pela WotC:

Oi César,

Independente daquela conversa, parece que a nova política de fansite da Wizards permite a reprodução de conteúdo gratuito disponibilizado no site da Wizards, portanto, as coisas mudaram.

Eu preciso dar uma lida melhor nisso, mas parece que essa é a nova política.

Otávio A. Gonçalves
Devir Livraria
Editor da 4ª Edição de Dungeons & Dragons no Brasil

Que bizarro não? Eu achava justamente que um dos trechos, que reproduzo abaixo, vetassem a tradução, já que esta poderia ser considerada reprodução do material do site da WotC, o que é proíbido pelas regrinhas do Fan Site Kit:

You may not make content from the Wizards website (audio-visual materials excluded) available through your own site if such use entails Wizards hosting such content for you on Wizards’ website. For example, you may not make available on a Fan Site any content from Wizards’ Web site in a frame, mirror, Iframe, widget, nor may you link directly to a wallpaper file hosted on Wizards’ website.”

Enfim, o trecho acima é tudo menos claro, e relendo com mais calma os termos da Wizards, percebi que horas nenhuma eles falam nada sobre traduções. Na real me pergunto se eles pensaram mesmo sobre isso antes do Otávio (e outros editores de D&D de fora dos EUA) perguntarem sobre esta possibilidade.

Comments are closed.