Número de colaboradores, valor médio das contribuições e upgrades nas recompensas do Violentina!

Mais um post sobre o tema de Agosto: o não-lançado mas já bombástico Violentina! Como prometido, falarei hoje sobre a estratégia do upgrade que utilizamos para aquecer novamente a campanha no final de semana passado, assim como a média das colaborações e quais as recompensas mais visadas pela galera que participou até agora da campanha de financiamento coletivo do Violentina.

No último post que fiz sobre o Violentina aqui no Área Cinza, falei sobre como avaliamos a primeira semana da campanha, e chamei a atenção para a subida do valor arrecadado no final de semana – a campanha pulou de R$3.810,00 na sexta de noite para R$4.727,00 ao fim do domingo! Isso não aconteceu do nada. Discutindo com o Eduardo, e mesmo aqui quando escrevi sobre minhas impressões acerca do primeiro dia da campanha no movere.me, ficou claro que nossas expectativas, e consequentemente oferta de recompensas mais caras do Violentina, foram bem mais baixas do que efetivamente rolou quando a campanha entrou no ar. Ao meio-dia de 01/08 a única Maleta Inferno e todas as 10 Violentinas no Caixão haviam se esgotado, e diariamente recebíamos um bocado de pedidos (e até algumas reclamações!) sobre a velocidade com a qual estas recompensas se esgotaram. Colocar mais dessas recompensas na parada parecia a coisa óbvia a ser feita – afinal os colaboradores mais vorazes ficariam felizes, e nós arrecadaríamos ainda mais com a campanha!

Mas batemos em dois problemas: como colocar mais recompensas, sem tirar o sentimento de exclusividade dos primeiros colaboradores? E segundo, como possibilitar que aqueles que queriam as caixas ou a maleta, mas chegaram tarde de mais e contribuíram com outros valores pudessem ter acesso as novas recompensas?

Quebramos a cabeça com isso por um tempo, e finalmente decidimos fazer a parada em duas fases: primeiro ofereceríamos um upgrade para quem já havia colaborado até a sexta (o5/08), e depois de dada a prioridade aos primeiros colaboradores, colocar mais caixas e uma maleta no sistema do movere.me. Desta forma, sábado de manhã mandamos o seguinte e-mail somente aos colaboradores:

Olá colaboradores!

Em menos de 3 horas a campanha do Violentina atingiu sua meta, em grande parte devido a corrida frenética pelas Violentinas no Caixão e pela Maleta Inferno, que se esgotaram todas antes do meio-dia de segunda. Não sabemos quem vocês tiveram que ameaçar e subornar por aí, mas pelo visto deu certo!

Também não é segredo que não previmos o frenesi causado pelas caixas e maleta, e que muitas pessoas ainda ficaram sem estas recompensas, e desde segunda nos pedem incessantemente que mais algumas unidades sejam acrescentadas na campanha.

Temos então pensado em formas de colocar mais algumas caixas e poucas (muito poucas!) maletas na jogada, mas de forma a priorizar dois pontos que para nós são fundamentais:

  • que aqueles que compraram as 10 Violentinas no Caixão e Maleta Inferno originais ainda tenham uma recompensa diferenciada e personalizada, representando nosso apreço pelos primeiro colaboradores que tornaram o Violentina possível;
  • que os colaboradores que queriam as caixas e maleta, mas não foram rápidos o suficiente, e ainda assim foram legais e colaboraram com outros valores pudessem dar um upgrade em suas contribuições e recompensas, de forma que tivessem prioridade nas novas caixas e maletas, mais uma vez, por terem sido os primeiros a tornar a parada viável.

Com estes dois pontos em mente, fizemos o seguinte plano de ação, que queremos compartilhar com vocês. Em primeiro lugar, as caixas e maleta originais terão alguma distinção não só no nome, mas também fisicamente, e trarão itens exclusivos. E em segundo, as novas caixas e maletas terão tudo aquilo que está listado na página da campanha no Movere.me. Como isso é possível? Simples, as caixas e maleta originais acabaram de receber um upgrade!

As 10 Violentinas no Caixão originais, esgotadas na manhã de  01/08, serão as chamadas caixas pretas, e terão um elemento a mais, que antes colocaríamos apenas na Maleta Inferno. Estamos fechando os orçamentos, mas tudo indica que serão inclusos nas caixas pretas o Gabarito de Mesa não de papel, mas de feltro, ou seja, no melhor estilão das mesa de poker e jogatinas!

As novas caixas, ou caixas rubras, terão como indica seu título cor do sangue que escorre pelas calçadas imundas, e contém todos os itens relacionados originalmente na página da campanha.

A mesma lógica vale para a Maleta Inferno. Ela terá elementos exclusivos, e a nova unidade, chamada de Maleta Chumbada, trará marcas de balas e um item a menos que a Maleta Inferno, mas ainda assim, tudo que está listado na campanha.

E como isso vai funcionar?

Futuramente, caso a campanha alcance o valor de R$5.000,00 colocaremos mais poucas caixas rubras no sistema do Movere.me, mas a prioridade como já dissemos será sempre de vocês que já contribuíram. Então à partir deste minuto, as primeiras 11 pessoas que responderem este email apontando seu interesse em dar um upgrade em suas recompensas, receberão respostas com as informações de como proceder. Por favor, enviem no e-mail o valor de sua contribuição inicial e para qual recompensa desejam dar o upgrade.

Exemplo: Vamos supor que um cara chamado Giltônio (quem teria um nome destes?) acordou tarde na segunda e ao entrar na página da campanha do Violentina segunda tanto as caixas como a maleta já haviam se esgotado. Decidido a colaborar de qualquer forma, nosso amigo de nome exótico contribuiu inicialmente com R$80,00. Com essa nova oportunidade, ele deveria nos enviar um e-mail para secular@secular-games.com indicando que tem interesse na Maleta Chumbada, e se não for possível, em uma das novas Violentinas no Caixão. Se ele for rápido o suficiente, lhe responderemos com as indicações de como proceder para atualizar sua contribuição com R$220 (no caso da Maleta Chumbada) ou com R$70 (para a Violentina no Caixão).

Lembrem-se, são apenas 10 Violentina no Caixão e 1 Maleta Chumbada, então se tiverem interesse é melhor que sejam rápidos no gatilho!


www.secular-games.com
Pensamento Independente, Jogos Independentes!

Sacaram agora o motivo do crescimento do valor arrecadado durante o final de semana passado? A parada aumentou pois muitas pessoas (9 para ser mais exato), aumentaram sua contribuição visando o upgrade das recompensas. Na prática, pedimos para os colaboradores iniciais darem novas contribuições no site do movere.me, e marcarem a opção que chamo de “recompensa hippie”: Vou incentivar, mas não quero nada. Minha recompensa é a realização desse projeto, que fica ali por último na lista de recompensas.

O processo funcionou muito bem, e foi uma ótima forma de corrigimos os erros causados pela baixa expectativa inicial, mas teve um efeito colateral – a alteração do número de colaboradores no contador da página. Enquanto escrevo este post, a página da campanha marca R$5.377,00 arrecadados com a colaboração de 77 pessoas, o que daria uma média de contribuição de 70 reais por pessoa. Mas na prática, 9 destas pessoas fizeram duas colaborações – a original e a do upgrade. Então na verdade temos 68 pessoas que contribuíram com R$5.377,00 até agora, uma média de R$79 por pessoa, nada mal mesmo!

Uma outra coisa que acho legal para quem se interessa em saber como o financiamento coletivo tem funcionado para nós, é uma olhada nas recompensas que mais bombaram até aqui. Somando as contribuições repetidas dos upgrades, ficamos assim na distribuição da parada:

Fica evidente a concentração nas caixas (R$150,00), no livro impresso com encartes e o livreto de sementes de trama (R$50,00) e finalmente no livro impresso com os encartes apenas (R$30,00). Só o valor destas 3 faixas de colaboração somadas já dá R$3.770,00, ou seja, 70% do que a campanha arrecadou até agora! Já esperávamos que a as recompensas até o limite de R$50 bombassem, mas nossa surpresa, além é claro do sucesso das caixas do qual já falei exaustivamente, foi o número baixo de pessoas que queriam somente o PDF do Violentina. E olha que colocamos até uma opção de 5 reais! Pra mim isso mostra não que o PDF não funciona, ou que as pessoas não compram arquivos eletrônicos, mas que a campanha realmente atinge (em sua maioria) os consumidores hardcore, aqueles que querem pagar pelo PDF, mas também pelo impresso, pelos encartes, livreto, e até por tudo isso em uma caixa!

Comments are closed.